Imóvel em que ator passou a infância receberá jovens em situação de vulnerabilidade social

 

A casa onde cresceu o ator Domingos Montagner, localizada no bairro do Tatuapé, na Zona Leste de São Paulo, será transformada em um projeto social. De acordo com informações do jornal Extra, o imóvel receberá o nome do ator e produtor teatral, e contará com exposições, espetáculos e cursos de circo e teatro. O centro cultural será destinado a jovens com idade entre 13 e 24 anos de idade em situação de vulnerabilidade social.



Casa de Domingos Montagner será transformada em centro cultural (Foto: TV Globo/Divulgação)


A iniciativa é do Instituto Dom, associação sem fins lucrativos criada pela viúva de Domingos Montagner, a produtora Luciana Lima. Além de Luciana, participam da organização Francisco Montagner, irmão do ator, o sócio Fernando Sampaio, e o gestor cultural Gustavo Wanderley.

O projeto será apresentado através de uma campanha de financiamento coletivo no final deste mês, na plataforma de crowdfunding Benfeitoria. A campanha ficará no ar durante 60 dias, segundo a revista QUEM.

Em sua etapa inicial, a iniciativa pretende arrecadar R$ 466 mil. A verba será utilizada em projetos de nove escolas públicas da região, além de financiar a realização de espetáculos durante um ano na Rua Tijuco Preto nº 263, endereço da casa em que Domingos viveu durante a infância.

A segunda etapa do projeto consiste na construção de um edifício de três andares que vai abrigar um cinema, salas de teatro e outros espaços relacionados às artes cênicas. Além disso, o local contará com uma exposição permanente sobre a trajetória do ator.

Morte

Domingos Montagner morreu em 15 de setembro de 2016, após desaparecer nas águas do Rio São Francisco, onde foi arrastado por uma correnteza. Na ocasião, o ator aproveitava a tarde de folga em meio às gravações da novela Velho Chico, da TV Globo.

Acompanhado da atriz Camila Pitanga, com quem contracenou na trama de Benedito Ruy Barbosa, Montagner decidiu tomar banho de rio, mas, após mergulhar, não voltou à superfície. No dia seguinte à tragédia, o Instituto Médico Legal de Aracaju confirmou que a causa da morte foi asfixia mecânica causada por afogamento. Domingos Montagner tinha 54 anos.

Por Gabriel Rodrigues

Leia também: Bifão, Drika e Guilherme estão na Roça em A Fazenda 11!

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário