Mumuzinho e Ferrugem, atualmente dois dos maiores nomes do samba, juntaram-se num bate-papo para discutir a importância e a história do gênero

Sambistas afirmam que a nova geração do samba aprendeu com os erros do passado e vem se organizando para melhorar cada vez mais.



Em entrevista ao colunista Léo Dias do UOL, os dois sambistas responderam inúmeras perguntas relacionadas ao mundo do samba, assim como também, questões relacionadas a vida pessoal.

Ferrugem e Mumuzinho comentaram que diferente dos altos investimentos no meio sertanejo, o samba “não precisa de dinheiro”. Segundo eles, a música vem da rua para rádio. Explica que enquanto estão trabalhando em uma música, investem em outra. Então, quando percebem, a música começa a tocar nos pagodes de rua, seguindo para rádio e depois torna-se sucesso nacional.

“O samba não precisa de grana para atingir as pessoas, o coração das pessoas” explica Mumuzinho, citando como exemplo, a música “Pirata e Tesouro” do Ferrugem, afirmando que quando a música começou a tocar, foi acolhida pelo Brasil inteiro. O sambista ainda afirma “É por isso que existe o Raça Negra, é por isso que existe o Exaltasamba, é por isso que existiu o Soweto, o Kiloucura, Os Morenos, o grupo Molejo. Porque eles faziam música”.

Mumuzinho em show

Mumuzinho durante show (Fonte: Instagram)


Leia também: Produtora da CNN testa positivo para coronavírus

Na ocasião, Ferrugem ainda comentou sobre o Raça Negra, que segundo ele, foi o melhor exemplo em questão de mercado. Visto que, há anos fazem o show com as mesmas músicas e continuam sendo um sucesso estrondoso.

Ferrugem durante show

Ferrugem durante show (Fonte: Instagram)


Durante a entrevista, a dupla ainda comentou sobre o papel das plataformas digitais atualmente usadas nos trabalhos dos músicos. Revelaram também o que o período da quarentena estava mudando na vida de ambos.

Dinheiro e família

Quando questionado sobre família, Ferrugem revelou que graças a sua mulher, Thais Vasconcelos, conseguiu mudar sua relação quanto ao dinheiro. O músico ainda comenta que, certamente se não fosse por ela, ele não tinha nenhum apartamento. “Eu era muito gastão. Ela me pediu uma oportunidade de tomar a frente dessa situação, do financeiro da casa”. Ferrugem concluí que ela mostrou que conseguia fazer o seu dinheiro render.

Por: Ceiça Santos

Imagem destaque: Sambistas Mumuzinho e Ferrugem (Fonte: TV Uol)

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário