A proposta de Lady Gaga é utilizar sua visibilidade no Instagram para ampliar a voz da população negra

A partir desta sexta-feira (05), a cantora Lady Gaga cede a sua conta no Instagram para grupos do movimento negro, a fim de, assim, promover a discussão racial.



De acordo com um post publicado pela cantora em sua rede social, a proposta é ampliar as vozes dessas pessoas. Por isso, a conta ficará disponível para os grupos.

Leia mais: The New Black Vanguard: fotógrafos que estão mudando a representação negra na moda

O Instagram, então, ficará disponível para as organizações por tempo indeterminado, embora Gaga garanta que, após esse período, continuará publicando histórias e conteúdos inspiradores da comunidade negra.


Tensão racial e ativismo

Aliás, Gaga não só é conhecida por suas músicas e coreografias, como também pelo seu ativismo. Sendo assim, nos últimos dias sua atitude não foi diferente.

Afinal, com a tensão racial que vem sendo ocasionada pelas mortes de pessoas negras nos Estados Unidos, como George Floyd, Breonna Taylor, Ahmaud Arbery e infelizmente tantos outros, a cantora vem assim se manifestando. 

Leia mais: Thelma Assis pede justiça por morte do menino Miguel

Ademais, Lady Gaga divulgou uma lista de organizações que lutam pela causa, e que a cantora ajuda com doações. Além disso, ainda publicou uma carta aberta sobre a situação que vem ocorrendo no país.

Trecho da carta aberta

“Aplaudo os bravos cidadãos desta nação que estão se manifestando e apoio as vozes sem apoio da comunidade negra.

Desejo que suas vozes sejam ouvidas alta e claramente, e que se sintam amadas e amplificadas por aliados.”

Confira a carta completa aqui

Por: Mariana Cristina 

(Foto Destaque: Lady Gaga cede conta do Instagram à organizações que lutam pela comunidade negra. Reprodução/Lady Gaga/Instagram)

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário