Fora do SBT, o jornalista vai usar o tempo livre para se dedicar ao novo projeto.

 

De acordo com informações do site UOL, Leo Dias escolheu o sequestro da filha de Sílvio Santos, ocorrido em 2001, como tema do seu segundo livro.



O jornalista e colunista vai contar com a colaboração do ex-capitão do BOPE Rodrigo Pimentel. O autor do livro que inspirou o filme Tropa de Elite de 2007, dirigido por José Padilha.

 

Leia também: Léo Dias encerra contrato com SBT devido a uma suspensão e manda carta para Silvio Santos.

 

Leo dias ao lado de Silvio Santos. Foto: Reprodução/Instagram


Leo Dias afirmou que a intenção do livro é contar a verdadeira história do sequestro e esclarecer as dúvidas que ainda existem sobre o caso. Ele disse ainda que já listou todos os policiais envolvidos na operação e que vão contar detalhes. Patricia Abravanel, no entanto, não parece disposta a falar sobre o assunto até o momento. “Durante os últimos meses a procurei por diversas vezes, mas ela não se mostrou muito disposta a falar. Até o final da apuração vamos ter um depoimento da Patrícia. Mas mesmo se ela não quiser colaborar o livro vai sair” explicou o jornalista.

 

O livro  ainda não tem data de lançamento, e deve contar a história desde antes do sequestro até a morte do sequestrador Fernando Dutra Pinto na prisão.

 

 

Por Eleonora Barros

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário