Mayra Cardi desmentiu em sua rede social que teria sofrido derrota na justiça para não mencionar nome de Arthur Aguiar

A princípio, parece que o embate de Mayra Cardi com Arthur Aguiar não vai chegar ao fim tão cedo.Inicialmente, a life coach usou seu Instagram nesta quarta-feira (29)para desmentir a fake news de que teria sido derrotada na justiça. De acordo com alguns sites, Mayra teria sido proibida de citar o nome do ex-marido, Arthur Aguiar.



Ademais, ela negou que a notícia seja verdadeira e disse: “Eu acabei de ficar sabendo, eu não fico me alimentando dos conteúdos da internet, eu trabalho para caramba. A notícia é mentirosa. Se fosse verdade eu não estaria falando aqui: Arthur Aguiar”

Leia mais: Mayra Cardi pretende estudar mentes doentes para orientar filha sobre o pai


Mayra Cardi desmentiu que tenha sofrido derrota na justiça contra Arthur Aguiar. (Foto: Reprodução/Instagram)


Ainda de acordo com a Contigo!, Mayra teria debochado de tal notícia, e disse que ainda que não pudesse falar o nome dele, daria um jeito.

“Se algum dia eu não puder chamar ele pelo nome, posso chamar de embuste porque vocês vão saber o que é. Eu estou podendo falar sim Arthur Aguiar, não recebi nenhuma intimação, mas logro, embuste, Arthur Aguiar, é tudo a mesma coisa”.

Livro sobre seus relacionamentos

Por outro lado, em live para o canal Na Lata, Mayra comentou sobre alguns abusos pelos quais já passou. Inserindo também os que viveu ao lado de Arthur e que começou a escrever um livro sobre isso.

“Eu tive alguns relacionamentos conturbados. Não é algo que me orgulho de falar, são feridas. Já sofri um abuso físico muito escrachado, de ser sequestrada, estuprada, de ser mantida em cativeiro, então, eu já tenho esse lastro, mas posso te garantir que o abuso psicológico por um príncipe é infinitamente pior”.

Por: Kelly Jorge

(Foto Destaque: Mayra Cardi. Reprodução/Instagram)

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário