Michelle Obama concorria com seu audiolivro na categoria melhor álbum de palavra falada

 

Durante a premiação realizada na noite deste domingo (26), Michelle Obama ganhou o seu primeiro Grammy.



A ex-primeira-dama concorria na categoria de melhor álbum de palavra falada, com a versão em áudio do seu livro autobiográfico ‘Minha Historia’.


Capa da versão digital do livro ‘Minha História’. Foto: Divulgação.


Leia mais:Kobe Bryant recebe homenagens de artistas no Grammy

Também concorriam na categoria “I.V. Catatonia: 20 Years as a Two-Time Cancer Survivor”, de Eric Alexandrakis, “Mr. Know-It-All”, de John Waters, e “Sekou Andrews & The String Theory”, de Sekou Andrews & The String Theory e Beastie Boys Book”, escrito pelos rappers Mike D e Ad-Rock.

Quando recebeu a indicação, Michelle Obama agradeceu a lembrança em seu Instagram.

“Estou muito emocionada ao receber uma indicação ao Grammy. Esse último ano foi uma caminhada muito significativa e emocionante (…) Obrigada por cada grama de amor e apoio que vocês compartilharam de maneira tão generosa”, escreveu.

A obra de Michelle já foi traduzida para 24 idiomas diferentes.

O livro, traz relatos sobre sua vida, e como resultado disso, já vendeu mais de 10 milhões exemplares pelo mundo.

Além disso, ficou 50 semanas entre os livros mais vendidos em solo brasileiro.

No livro é possível acompanhar a história de acensão de Michelle até se tornar uma das mulheres mais influentes do mundo.

A obra retrata a juventude humilde, tanto quanto a sua presença no governo de seu marido.

Do mesmo modo, também dá detalhes de como Michelle ajudou a criar a mais acolhedora e inclusiva Casa Branca da história.

 

Por Lorran Matheu

 

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário