Usar argila no skincare já virou rotina. Contudo, cada cor tem propriedades únicas e agem de maneiras diferentes na pele

A argila é um componente natural extraído de rochas vulcânicas. Apesar dessa origem diferente, as argilas têm diversas funções purificantes, hidratantes, desintoxicantes, secativas e etc. Portanto, são muito utilizadas nos produtos de skincare, principalmente em máscaras faciais.



Leia mais: Como Começar uma Rotina de Skincare na Quarentena

Contudo, existe uma variedade imensa de tipos de argila e cada uma tem propriedades própria e agem na pele de diferentes formas. Assim, é importante descobrir qual o tipo de argila mais recomendado para seu tipo de pele nesse momento.


Aplicação de argila. (Foto: Reprodução/ Instagram)


Verde (peles oleosas)

Com certeza a mais popular é a verde. Ela é indicada para peles oleosas e acneicas pois na sua composição existem substâncias de ação secativa, anti-inflamatória, adstringente e bactericida. Além disso, ela controla a oleosidade da pele e purifica de forma relaxante.

Cinza (peles oleosas)

Na argila cinza encontramos grande quantidade de titânio. Dessa forma, este composto ajuda a combater a oleosidade da pele. O seu pH é o mais alcalino, então, tem ação antioxidante e previne o envelhecimento da pele.

Branca (todo tipo de pele)

A argila branca atua principalmente hidratando e iluminando a pele. Ela auxilia no controle da oleosidade e é indicada para peles sensíveis uma vez que tem o pH semelhante ao da pele. Além disso, é indicada para o tratamento de melasmas e manchas solares, porque consegue clarear a pele.

Vermelha (peles secas)

A vermelha, assim como a branca, tem ação suave. Por isso, é recomendada para peles secas e maduras. As substâncias presentes nessa argila promovem a circulação e oxigenação da pele. Além disso, seus componentes estimulam a produção de colágeno. Assim, prevenindo o aparecimento de linhas finas e de expressão.

Por: Isabella Vasconcelos

(Foto Destaque: Mascara de argila. Reprodução/Instagram)

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário