The Witcher planeja aprofundar o seu universo

Primeiramente, a série The Witcher, estrelando o ator Henry Cavill (Liga da Justiça), se tornou uma dais mais populares da Netflix após a sua estreia, em Dezembro de 2019. A procura pelo título foi tão grande que os produtores da série começaram a procurar formas de aprofundar o seu universo.



Dessa maneira, após apenas uma temporada, a Netflix anunciou hoje a série The Witcher: Blood Origin. A sinopse revelada pela Netflix é a seguinte: Ambientada no mundo élfico 1200 anos antes do universo de The Witcher, Blood Origin contará uma história da origem do primeiro Bruxo e os eventos que levaram à crucial “conjunção das esferas”, quando o mundo de monstros, homens e elfos fundiu-se para se converter em um só.

Posto que o spin-off tem como objetivo mostrar o evento da “conjunção das esferas”, a Netflix classificou a atração como uma série limitada. Por consequência, a série será dividida em 6 partes, sem anúncio de duração ainda, e será produzida por Declan de Barra e Lauren Schmidt Hissrich. Hissrich também é a showrunner da série original.

Leia mais: Comic-Con: 10ª temporada de “The Walking Dead” vai ganhar mais 6 episódios

A série derivada seguirá o molde de The Witcher, no quesito live-action. Blood Origin contará ainda com o criador da franquia de livros original, Andrzej Sapkowski, como consultor criativo.


Henry Cavill encantou os fãs na pele de Geralt of Rivia. (Foto: Reprodução/Netflix)


Declarações

O comunicado também contou com declarações da equipe criativa da série. O showrunner Declan de Barra  falou que a produção é feita com o intuito de explorar a civilização élfica antes da chegada dos humanos e como esse evento afetou a sociedade existente.

Uma pergunta está em minha mente desde que li os livros The Witcher: como era o mundo élfico antes da chegada cataclísmica dos humanos? Eu sempre fui fascinado pela ascensão e queda das civilizações, como a ciência, a descoberta e a cultura florescem logo antes dessa queda, disse Declan.

A showrunner da série original, Lauren Hissrich falou sobre o motivo de estar animada com a nova produção.

É um desafio emocionante explorar e expandir o universo The Witcher criado por Andrzej Sapkowski, e mal podemos esperar para apresentar aos fãs novos personagens e uma história original que enriquecerá ainda mais nosso mundo mágico e mítico, contou Hissrich.

The Witcher: Blood Origin vai gravar no Reino Unido, ainda sem data de lançamento. Já a série estrelada por Cavill tem previsão de terminar a gravação da sua 2ª temporada em Fevereiro de 2021, estreando na Netflix no mesmo ano. Vale lembrar que as filmagens tiveram que ser interrompidas devido ao coronavírus e devem ser retomadas no dia 17 de Agosto.

Por: Felipe Rangel

(Foto Destaque: Henry Cavill comandou todas as cenas em que esteve presente na 1ª temporada. Reprodução/Netflix)

Related Article

0 Comentários

Deixe um comentário